Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Ads 468x60px

 photo A-Masks_3...gif

8 de agosto de 2014

Casas de Cultura, SocorrO!!!

Bem gente, esta rolando nas redes sociais um Manifesto / Carta Denuncia sobre as Casas de Cultura.
 Na Pagina do Fórum de Culturazl
O Blog Cultura leste apoia integralmente essa Iniciativa.
"Antes Arte do que Tarde"
Abaixo: Casa de Cultura do Itaim a primeira como Centro Cultural e a Casa de Cultura São Miguel
Cultura Leste
Vamos ver Como tudo Começou!
Na gestão do Prefeito Mário Covas (1983-85), foi lançado pelo Secretário.
Municipal de Cultura, Gianfrancesco Guarnieri, o Projeto Cultura na Cidade. Esse
Projeto visava à realização de mostras e eventos culturais e a construção de cinco
centros culturais. Foram criados três: o Centro Cultural São Paulo, o Centro Cultural
do Jabaquara e o Centro Cultural do Itaim Paulista.
O Projeto das Casas de Cultura do Município de São Paulo foi criado no
Governo Luiza Erundina (1989-92)
com a Lei nº 11.325 de 29 de dezembro de 1992. 11
Segundo a Lei seriam criadas vinte Casas de Cultura (seguindo a divisão das
vinte Administrações Regionais)
As Casas seriam implantadas em até doze meses. As localizações das Casas
seriam definidas em conjunto com a comunidade levando em conta a demanda e a
ausência de equipamentos de cultura. Ficariam subordinadas administrativamente à
Secretaria Municipal de Cultura apenas até as Subprefeituras serem implantadas.
Governo Marta Suplicy (2001-2004) Decreto Nº 42.772, de 3 de Janeiro de 2003
Dispõe sobre a transferência de equipamentos da Secretaria Municipal de Cultura para as Subprefeituras e dá outras providências. A partir dai todo mundo Conhece no que esta Dando!
Segue a Carta na Integra Abaixo:
     DENÚNCIA SOBRE AS CASAS DE CULTURA DO MUNICÍPIO DE SP
Ao longo de 10 anos as Casas de Cultura passaram por um processo de sucateamento e abandono generalizado. Com a mudança de gestão na Prefeitura, alimentamos a esperança de que este processo fosse revertido. É unanimidade nos quatro cantos da cidade, entre todas as coletividades, grupos, agentes culturais e comunidades que as Casas devem retornar para a gestão da Secretaria Municipal de Cultura (SMC).
As Casas de Cultura até o momento estão vinculadas às subprefeituras, que por sua vez, estão loteadas para os vereadores, os quais distribuem os cargos de coordenação das Casas ao seu bel prazer, sem qualquer compromisso com a qualificação profissional das pessoas indicadas para exercer a função. O orçamento para cultura nas subprefeituras é escasso, quase inexistente. Falta vontade política para melhorar a situação e, a comunidade que deveria ser beneficiada com este equipamento cultural público, acaba pagando o preço.
É VERGONHOSO ver as Casas de Cultura no balcão de negócios de distribuição de cargos, enquanto as comunidades agonizam com pouquíssimas opções de lazer e cultura, principalmente nas periferias do município de SP.
O Secretário de Cultura, Juca Ferreira, assumiu publicamente o compromisso, desde o primeiro encontro #EXISTEDIÁLOGOEMSP (em 05/02/2013) e em diversas reuniões, encontros e seminários posteriores, de que as Casas de Cultura retornariam à SMC, faltando para isso apenas “resolver alguns trâmites burocráticos” para que fosse publicado o decreto. Porém, até o momento (com mais de 1 ano e 5 meses), o que vemos é uma inércia e nenhum empenho em resolver logo este problema que tanto aflige as periferias da Cidade.
É triste ter que defender o óbvio, mas é necessário dizer: as Casas de Cultura são o berço de diversas coletividades e grupos, e em muitos casos são o primeiro contato de muitas crianças, adolescentes e jovens com a arte e a cultura. Não podemos deixar que em nome da “governabilidade” as casas permaneçam sucateadas e ainda com a velha política.
Portanto, EXIGIMOS:
• Retorno imediato das Casas e Supervisões de Cultura para a Gestão da SMC!
• 2% Pra Cultura JÁ (de forma descentralizada de acordo com a densidade demográfica)!
• Regularização dos Espaços Culturais que Ocupam Espaços Públicos!
• Transparência no Orçamento da Cultura!
Assinam este documento: cidadãos, artistas e diversas coletividades da cidade, dentre elas:
Fórum de Cultura da Zona Leste - Rede Popular de Cultura M’Boi Campo Limpo
Bloco de Ocupação Cultural de Espaços Públicos - Fórum de Cultura de São Mateus
Fórum Permanente de Cultura de Taboão da Serra - Coletivo ALMA
Sarau O que dizem os umbigos  - Grupo doBalaio - Brava Companhia - Jornal Voz da Leste
Reação Arte e Cultura  -Grupo Transformar - Coletivo Perifatividade - Cia. Mapinguary
Sucatas Ambulantes  - Coletivo Fora de Frequência -Trupe Kuaracï-abá (cabelos do sol). Bloco do Beco - Grupo musical Forró di Muié - Cenário Periférico - Sede móvel Pq. Belém - Trupé na Rua
Cineclube Kinopheria - Sacolão das Artes - Movimento Cultural de Itaquera - Coletivo Fora de Frequencia - Sarau da Quebrada Jaçarau - Sarau dos Loucos Prá,çarau - Graffiz Festa Cia de Artes -  Decalogo JALC - Banda Gricerina  - Kiwi Companhia de Teatro
Parábola - Sarau A Voz do Povo -IPJ - Instituto Paulista de Juventude -  Banda Nego Veio
Jornal José Bonifácio - Bloco das Cores - Cultura ZL  - Velha Guarda do Helga - Muros que gritam - TV Doc Fundão - Manulo Silva Sauro grafite - Tv Doc Capão - Sarau Candeeiro - Agencia Solano Trindade
Marcelo Ribeiro - prod. cultural/M'boi Mirim Casa de Cultura de M'Boi
Sociedade Samba Dá Cultura -  Grupo Espírito de Zumbi
Mestre Arakunrin (capoeira) Bloco Afro É di Santo
Banda Zabah Bush  - Grupo da Melhor Idade Flor de Lis
Grupo Teatral Cavalo de Pau -  Conselho Gestor da CECCO Pq. Raul Seixas
Hugo Paz No Batente - Coletivo da Albertina  - Nhocuné Soul
Cia Porto de Luanda  - PelaArtePelaZuera - Itaquera na Cena - Engrenagem Urbana
Pastoral da Juventude São Mateus  - Observatório da Juventude
Associação de Moradores Jardim Helian Itaquera - Dolores Boca Aberta Mecatrônica de Artes
Jongo dos Guainás -  Cordão Carnavalesco Boca de Serebesque
Edvaldo Santana -  Cinecampinho - Culturaleste.com.br 


0 comentários:

Postar um comentário

Comente aqui!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
 
Blogger Templates